Dra. Lia Alves Schinetski, PHD

(Português do Brasil) Zumbido no ouvido tem cura

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese.

    CONTEÚDO VIP
    Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

    Seu E-mail:


    , , ,

    Comments

    1. Luciano says:

      Muito bom artigo. Obrigado pelo ótimo serviço prestado a comunidade.

      • Joice alves says:

        Achei muito interessante está matéria pois tenho um problema de Zumbido.
        Acredito que esteja ligado a ATM.

    2. Emília says:

      Muito esclarecedor o artigo, amei! Parabéns pelo seu trabalho drª Lia

    3. Luiz Otavio says:

      Excelente seu artigo de forma clara e encorajadora me encheu de esperança. Parabéns competente trabalho

      • Lia Alves says:

        Que bom que você gostou de ler o artigo, Luiz Otavio. É muito gratificante saber que os meus textos estão trazendo informação que pode melhorar a vida das pessoas! Um abraço

    4. Angelo says:

      Grato pelo artigo tão bem detalhado e me dá alento para buscar entender o que acontece comigo e as possíveis soluções, os vários dentistas que consultei em São Paulo não levam em consideração esse incômodo que é o zumbido, dá vontade de ir até SJC para fazer uma avaliação.

      • Lia Alves says:

        Bom dia Angelo!Que bom que o meu artigo foi útil pra você!Eu atendo alguns sábados de manhã, justamente para dar assistência as pessoas que não moram em São José. Se quiser vir pra cá, estamos à disposição.

    5. Maria das Dores Araújo fujita says:

      Estou com zumbido desde novembro de 2015 ja fui a vatios médicos tb no odonto tenho vários implantes dentarios estava com a mordida errada foi corrigida houve pouca melhora mas tenho quase certeza que o zumbido ta relacionado com a ATM. ESTOU PENSANDO EM TROCAR APROTESE para aumentar a mordida . A senhora acha viavel?

      • Lia Alves says:

        Olá Maria das Dores! Na minha opinião, antes de você trocar a prótese é necessário você se ser examinada por um dentista especializado em Disfunção da ATM, para fazer um diagnóstico. Enquanto não for diagnosticado o que você tem, não é muito indicado você trocar a prótese.

    6. Vanessa says:

      Dra Lia, tudo bem?
      Eu tenho bruxismo, nos últimos dias tenho sentido o zumbido. Fui ao otorrino e fiz a limpeza há 2 dias mas ainda o zumbido permanece, preciso aguardar algum tempo para ter resultado caso seja cerumen? Se for por causa do bruxismo, usando a placa resolve o barulho?
      Muito obrigada.

      • Lia Alves says:

        Olá Vanessa! A melhor pessoa pra te responder se você deve aguardar mais tempo para o zumbido melhorar, caso seja cera no ouvido, é o otorrino. Se ele for causado por bruxismo pode melhorar com a placa, mas na maioria das vezes só a placa não resolve. É o que eu falei sobre os pontos de gatilho. Se vc tiver esses pontos, precisa tratá-los diretamente, não apenas usar a placa. O diagnóstico sempre é o mais importante para determinar o melhor tratamento para cada pessoa.

    7. liliana says:

      Dra Lia, meu filho tem zumbido crônico ja ha alguns anos. Ele tem 29 anos faz tratamento com otorrino e psiquiatra mas sem melhora. Hoje o que mais incomoda é o volume muito alto do zumbido. O som e mais alto do que a televisa ligada. O que sugere que procuremos para amenizar o volume pois cura não se consegue?

      • Lia Alves says:

        Olá Liliana! Para a maioria dos casos há cura se for feito um bom diagnóstico. Mas para alguns casos, infelizmente, não se encontra a causa do problema e não há tratamento que resolva completamente, mas existe a possibilidade de diminuir o incômodo causado pelo zumbido com técnicas de meditação e relaxamento ou a técnica de retreinamento do zumbido, o TRT.

    8. Vitor Neves says:

      Olá, Dra. Tenho 23 anos e a cerca de alguns meses começou a minha batalha contra o zumbido. O meu é caracterizado pelo “piiiiiiiiiiii”. Acredito que seja o considerado apito. Tudo começou em uma noite na balada e o zumbido não passou. Já fui em três otorrinos, tomei alguns remédios que não surtiram efeito. Fiz os exames e não tive nenhum problema com a audição. Tudo normal, e fiz os exames em duas clínicas diferentes. Depois de muito ler sobre as possíveis causas do zumbido na internet, iniciei o tratamento da minha DTM, que tenho desde meados de 2012/2013. Até porque eu sinto que quando aperto os dentes bem forte, ele fica um pouco mais alto. O zumbido inicialmente era forte do mesmo lado que eu tinha os estalos frequentes. Hoje ele é bilateral, porém mais intenso e agudo do lado direito. Logo no inicio do tratamento, o Doutor receitou alguns medicamentos, que foram anti inflamatórios e relaxante muscular. O relaxante muscular (miosan) foi o que tomei antes de dormir e no meio da noite notei que o zumbido havia desaparecido. Até procurei por ele e não encontrei. rs Ao longo do dia o zumbido foi voltando, mas lentamente até chegar a noite, quando voltava a ficar mais presente. Hoje estou usando a placa miorrelaxante e nas proximas consultas o dentista deve me encaminhar para um fono. Ainda tenho dúvidas se meu zumbido é realmente originado de tensões musculares ou se é realmente um trauma acustico. É muito confuso para mim, uma vez que tudo iniciou com a exposição a som alto e a melhor resolução até o momento foi com um relaxante muscular, o qual o zumbido some e me permite ter noites tranquilas. Observação: A placa miorrelaxante me ajudou no inicio, porém hoje, o zumbido continua presente enquanto a utilizo para dormir. As noites tem sido dificeis novamente. Poderia me ajudar com sua opinião? Agradeço.

      • Lia Alves says:

        Olá Vitor! Já falamos por whatsapp, mas vou responder por aqui também para que outros leitores do blog possam ter acesso às informações. Se você aperta os dentes e sente que o zumbido muda, existe a possibilidade de ele estar relacionado com Disfunção da ATM, sim. No consultório fazemos outros testes importantes para fechar o diagnóstico. Se for constatado que há relação entre o zumbido e DTM, provavelmente só usar a placa não vai resolver o problema. É necessário tratar a musculatura de forma local, com outras terapias. Por isso sugiro que você procure na sua cidade um dentista especialista em DTM e dor orofacial, o profissional mais indicado para lidar com esse problema. Um abraço!

    9. Isabela says:

      Lia, tenho dtm e todo santo dia tenho tamponamento de ouvido, estralos no ouvido quando engulo saliva, além de sensação de pressão e zumbido nos ouvidos. Ultimamente estou sentindo como se tivesse um nó na garganta, dificuldade de deglutição. Mas a minha maior preocupação, é se a dtm causa alguma perda de audição. Já fiz audiometria e impedanciometria e as duas deram normais. Sinto que estou ficando depressiva, muito medo de perder alguma parte da minha audição.

      • Lia Alves says:

        Olá Isabela! Não se preocupe porque DTM não causa perda de audição. Ela pode causar sintomas reflexos no ouvido, como o zumbido, plenitude (sensação de ouvido tapado), dor, mas não perda de audição. Você já fez um tratamento de DTM? É importante que faça, para solucionar esses sintomas.

        • Isabela says:

          Estou para começar o tratamento, fazendo fisio, acupuntura, e o aparelho reposicionador, mas segundo a especialista que eu vou, o zumbido ela não tem muita certeza que vai ser solucionado… Disse que é incerto. E o tamponamento do ouvido, ela disse a mesma coisa. Será que vou ter que conviver com isso? Não tem solução? 🙁

    10. Teixeira Neto says:

      Boa tarde! Tive um problema com atm onde sentia dores dos lados da cabeça, o dr me passou uma placa e relaxante muscular, usei so ate sumir.. e agora estou com zumbido no ouvido esquerdo e quando faço protusão da mandíbula ou bocejo o zumbido piora pode ser atm? Me de um caminho por favor. Obrigado

    11. Geraldo says:

      Tenho zumbido há cerca de 1 ano no lado esquerdo, e após vários exames, descobri um lipoma de 0,6 cm no conduto auditivo interno, e o médico recomendou acompanhar e tomar rivotril para reduzir os sintomas. A minha perda de audição é mínima. A ressonância para ATM não mostrou nada. No entanto, eu sinto que ao apalpar o rosto, há pontos onde o zumbido fica mais forte, como por exemplo, ao “empurrar” a maçã do rosto para baixo. Será que vale a pena procurar algum tratamento de relaxamento muscular da face para tentar reduzir o zumbido ?

      • Lia Alves says:

        Olá Geraldo! Talvez valha a pena sim. O zumbido relacionado à Disfunção da ATM não tem necessariamente a ver com a articulação (por isso pode ser que não apareça nada na ressonância mesmo), mas sim com a musculatura.

    12. Bruno says:

      Este artigo é sensacional muito completo e me ajudou de mais tenho problemas de atm e infelizmente muitos médicos não se importam muito com nosso caso é muito bom ter um embasamento no problema meu queixo está pra traz é meus dentes desalinhados e mastigo os alimentos meu zumbido aumenta também tenho bruxismo e estou feliz em saber q se fizer á tratamento da maneira correta o zumbido pode diminuir pois sempre ouvi dos hotorrinos que deveria aprender a conviver com isso

    13. Glaucio says:

      Bom dia Dra. Minha esposa sofre com este zumbido, Poderia indicar um profissional em São Paulo que trate deste assunto?
      Agradeço pela ajuda . Obrigado

      • Lia Alves says:

        Bom dia Glaucio. Sim, eu indico o Dr. Wagner Oliveira. Mande um whatsapp para o meu consultório para pegar o contato dele, por gentileza.

    14. Ricardo Sacchetto says:

      Dra. Boa noite. Não sou seu paciente. Achei o teu contato no site e não sei como lhe agradecer pelas informações passadas. Sofro de DTM e zumbido há cinco anos e hoje estou fazendo fisioterapia para a ATM e percebo mudança na sonoridade do zumbido. É exatamente o somatossensorial, pois existem alguns pontos que aperto e percebo isso. Como tratar? Tenho de ir ao otorrino? Se puder me responder lhe agradeceria muito! Por favor, sofro com isso há anos. Obrigado

      • Lia Alves says:

        Olá Ricardo!Sim, recomendo que todos as pessoas que tê zumbido consultem primeiro um otorrino para ele examinar e excluir a possibilidade de problema no ouvido, para só depois tratar a Disfunção de ATM, caso haja correlação.

    15. Vitor S says:

      Boa tarde,
      Estou aproximadamente 10 dias com zumbido no ouvido que as vezes melhora e as vezes piora. Já fui no otorrino 3 vezes, fiz exames e nada foi detectado.
      Li que as causas do zumbido podem ser diversas como colesterol alto, atm, stress.
      Qual médico procurar?
      obrigado pela ajuda.
      Att

      • Lia Alves says:

        Vitor, se você já tiver investigado todas as causas de origem do ouvido com o otorrino, então procure um médico clínico geral. E se tiver algum outro sintoma de DTM, procure um dentista também.

    16. Rebeca alves says:

      Adorei o seu site muito bom, parabéns!

    17. Guilherme Zanatta says:

      Estou a 10 meses com um zumbido e que agora aumentou , sendo que médico manda tomar remédio é nada de melhorar ,sendo que não consigo encontrar alguém que consiga me ajudar no diagnóstico e tratamento correto .

    18. Cybele Dalul says:

      Bom dia doutora. Poderia me indicar um especialista no Rio de Janeiro -RJ ?
      Obrigada.

      • Lia Alves says:

        Olá Cybele! Pessoalmente eu não conheço dentista na área que trabalhe no RJ. Mas você pode dar uma olhada no site do SBDOF e pesquisar por cidade os dentistas membros da Associação de DTM.

    19. Eugenio Pacelli Gava says:

      Olá Dra. Lia, me sinto reerguido quando encontro alguém querendo ajudar alguém!
      Isso renova o ânimo e acende uma luzinha de esperança pra quem sofre com o incômodo do zumbido nos ouvidos.
      Li os relatos acima e a sua aula sobre as inúmeras causas que podem ocasionar o zumbido. Eu tenho zumbido no ouvido há muitos anos. Primeiro apareceu no ouvido esquerdo e uns dois ou três anos apareceu também no direito. Não posso afirmar com certeza se é esse o intervalo. Mas, creio que para toda pesquisa, esses detalhes são muito importantes. Sei que o do direito começou há uns quatro ou cinco anos. Eu estava vindo de uma entrega de um trabalho, dirigindo e notei um (grilo) que parecia ser na porta do carro. Daí, falei para um de meus funcionários pra prestar atenção no barulho pra depois consertarmos. Ele me disse que não havia (grilo) algum e seguimos a viagem. Assim que cheguei em casa, onde havia menos barulho, pude observar que o bichinho continuava lá, dentro da minha cabeça. Dessa época pra cá, a coisa só foi aumentando. Fui a diversos otorrinos, fiz limpeza, exames mil e nada. Muitos falam que é por causa do meu bruxismo, outros falam do meu uso de café, outros falam do meu estresse em nível alto… Enfim, não creio que haja cura pois não sabemos a causa. Pelo menos isso NUNCA me atrapalhou o sono. Mas não vou desistir. Assisti vídeos de professores e curiosos ensinando métodos de pancadinhas com os dedos por trás da cabeça, cuteladas perto dos ouvidos, massagens, chumaços de algodão com certos óleos… Agora vou tentar a água morna, Estou pensando seriamente em acupuntura. Me dei muito bem com problemas de coluna. quem sabe não endireita meus ouvidos???
      Uma pergunta: isso pode nos conduzir a problemas neurológicos? É que isso não desliga! 24 horas perturbando…

      • Lia Alves says:

        Olá Eugenio! Normalmente o zumbido não leva a outras consequencias; só é preciso controlar a parte emocional, pelo incômodo que ele traz.

    20. Bruna says:

      Bom dia. Sou de Guaratingueta. Gostaria de saber se atende em algum lugar próximo. Tenho um zumbido irritante todos os dias e dtm. Tenho estalos, sem dor, uso placa. Acha que se a origem for de fato a musculatura, um miorelaxante auxilia?

      • Lia Alves says:

        Olá Bruna! Atendo apenas em São José mesmo. Normalmente não melhora só com relaxante muscular. Se a causa estiver relacionada com a ATM, outros procedimentos são necessários.

    21. wilson says:

      sinto um zumbido constante,,, a noite ou no silencio ele diminui 90%, durmo tranquila, ao acordar, o zumbido, começa a voltar.. quanto toco na cabeça (atras) , sinto uma sensibilidade, não dor,,mais sensível ao tocar, e tenho a impressão, que ao tocar o barulho aumenta. Não tenho nenhum, outro sintoma. (Visão dupla, tontura, vomito, desequilíbrio), Nada! somente o zumbido , e essa sensibilidade atras e as vezes uma pressão na lateral do rosto na altura do olho. Fui a um otorrinolaringologista , e ele falou que tenho 90% de chance de ter tinnitus, to tomando um remedio , porem, ainda não to vendo resultado.. Alguém pode dar um luz obrigado

      • Lia Alves says:

        Olá Wilson! Tente fazer um dos testes que eu citei no artigo pra ver se pode ser que tenha relação com DTM.

    22. Oi sou do Rio de Janeiro e gostaria que me indicasse um profissional por aqui ! Fui a um dentista tem 1 semana com estamos no maxilar,mas eu dei uma forçada tentando reverter os estalos e só piorou,hoje comecei a sentir um zumbido chato e gostaria de saber a quem procurar …

      • Lia Alves says:

        Olá Vitória! Pessoalmente eu não conheço nenhum dentista especialista em DTM no Rio. Mas sugiro que você ntre no site do SBDOF, para procurar um dentista associado à Sociedade Brasileira de DTM na sua cidade.

    Leave a comment

    (It will not be disclosed)