Dra. Lia Alves Schinetski, PHD

Bebidas e alimentos ácidos podem dissolver o esmalte e causar sensibilidade nos dentes

 

Há décadas atrás a grande preocupação dos dentistas era tratar cáries. Mas a Odontologia mudou bastante nos últimos 10 anos. Há um foco maior no perigo da erosão dental. E isso também é uma realidade na minha prática como dentista.

 

A erosão afeta 1 em cada 4 pessoas e a maioria das pessoas não sabe que tem esse problema. Isso acontece devido ao consumo de bebidas e alimentos ácidos que dissolvem o esmalte dos dentes.

 

O esmalte é a estrutura mais dura do corpo. Apesar disso, ele tem uma fraqueza: pode ser lentamente destruído pelos ácidos que consumimos.

 

Como o processo de erosão é lento, ele frequentemente passa despercebido, tornando os dentes mais vulneráveis.

 

Muitas vezes o esmalte é completamente desgastado sem que a pessoa repare. E aí o problema se torna muito maior, porque abaixo do esmalte existe uma camada de dente bem diferente, a dentina.

 

Ela é muito mais mole do que o esmalte e por isso se desgasta bem mais rápido. Além disso, a dentina tem terminações nervosas, então geralmente quando a erosão chega nessa camada a pessoa começa a ter sensibilidade quando come ou bebe coisas quentes ou geladas.

 

Você costuma ter sensibilidade? Então ou você tem uma retração gengival ou um desgaste por erosão que já dissolveu todo o esmalte e atingiu a dentina.

 

E o problema não para por aí! Tem gente que tem um desgaste grande que já atingiu a dentina e mesmo assim não sente sensibilidade e não faz nada para tratar. Como a dentina é desgastada rapidamente, esse “buraco” pode chegar até a camada mais interna do dente, a polpa, que nada mais é do que o canal do dente.

 

Eu mesma já tive alguns pacientes que não tinham nenhuma cárie ou infiltração, mas já chegaram ao consultório com dor devido ao enorme desgaste do dente por erosão. Nesses casos a única solução foi tratar o canal e depois fazer restaurações grandes.

 

Quando o dente está desgastado demais, uma simples restauração de resina não resolve, é preciso fazer restaurações de porcelana, como facetas ou coroas.
Mas não se desespere! Vou responder abaixo algumas das perguntas mais frequentes sobre esse assunto para que você nunca precise chegar a esse ponto de tratamento de canal e restaurações extensas devido à erosão dental!

 

 

Como eu posso identificar se tenho erosão nos dentes?

 

Os primeiros estágios da erosão são invisíveis. O esmalte começa a perder minerais e a ficar mais fino. Pode ser que você note que os dentes estão mais amarelados, porque o esmalte mais fino deixa transparecer a dentina, que é mais amarela.

 
Depois, você vai perceber um desgaste na região próxima à gengiva e também na ponta dos dentes (principalmente nos dentes da frente).

 

Desgaste dental

Veja a região em que o dente está desgastado – perto da linha da gengiva

 

 

 

 

Quais bebidas e alimentos causam erosão?

 

Geralmente as bebidas são os maiores causadores de desgastes.

 
Quanto menor o pH, mais ácida é a substância. Quando você bebe algo com pH abaixo de 5,5, isso começa a dissolver o seu dente. Se a ingestão for muito frequente, haverá áreas de desgastes nos dentes.

 
As 7 bebidas mais erosivas são:

 
1. Coca-cola: pH 2,5
2. Sucos em pó – Tang, por exemplo: 2,7
3. Bebidas esportivas tipo Gatorade: pH 2,95
4. Chá gelado – Nestea, por exemplo: 3,04
5. Sucos de frutas cítricas – suco de laranja, por exemplo: pH 3,5
6. Vinho: pH varia de 3,3 a 3,7
7. Cerveja: pH varia de 3,7 a 4,1

 

Bebidas ácidas como caipirinha podem causar sensibilidade nos dentes

Bebidas ácidas como caipirinha podem causar sensibilidade nos dentes

 

 

Algumas pessoas ficam admiradas em saber que até chá gelado, Gatorade e cerveja podem desgastar os dentes. Pois é… nem tudo é tão óbvio!
Além disso, vinagre, molhos para salada, molho de tomate, maçã, uva e outras frutas também são muito ácidos.

 
Outras situações que aumentam muito a possibilidade de erosão dentárias são: dietas restritivas, uso de drogas ou de medicamentos, refluxo gástrico, consumo abusivo de álcool e distúrbios alimentares, como a bulimia.

 

 

O que fazer para evitar a erosão?

 

A principal medida é: consuma bebidas e alimentos ácidos com moderação. Você não precisa parar de tomar coca-cola se você ama muito isso! Mas quanto menos os seus dentes entrarem em contato com tudo o que pode dissolvê-lo, melhor!
Outra medida importante, e que causa espanto em algumas pessoas é: evite escovar os dentes imediatamente após o consumo de alimentos ou bebidas ácidas.

 

 

Provavelmente você ouviu durante toda a sua vida que você deveria escovar os dentes logo após as refeições, né!? Então vamos quebrar esse paradigma!
Raciocine comigo: após entrar em contato com algo ácido, o esmalte dos dentes fica mais mole (mesmo que isso seja numa escala muito pequena, só percebida em microscópio) e a escovação acaba removendo a camada mais superficial, como se ela estivesse sendo “varrida”. Por isso o ideal é aguardar pelo menos meia hora, para esperar que a saliva devolva minerais para o esmalte e com isso ele fique mais fortalecido.
Nesse meio tempo, você pode fazer um bochecho com água ou, melhor ainda, com uma solução de flúor. Pode ser algum desses enxaguatórios bucais que você compra na farmácia ou no supermercado. Mas preste atenção no rótulo pra ver se ele contém mesmo flúor. Isso é assunto para um novo post – em breve! O bochecho pode ser feito logo após o consumo, ou independente de você ter tomado algo ácido, por exemplo, estabelecendo duas ou três vezes ao dia, após a escovação.
Além disso, cabem também outros cuidados…

 
Você deve sempre escovar os dentes suavemente, porque a força é o que mais determina o desgaste. E, além disso, a escova nunca pode ser dura. Se a sua escova logo fica com as cerdas muito abertas, é sinal de que você está colocando força demais. Controle-se!!! Ou então use uma escova elétrica que marca a pressão que você está usando ao escovar. Custa caro, mas ajuda aqueles que têm a mão pesada.

 
A pasta de dente não deve ter alta abrasividade, principalmente se você tem tendência à erosão e escova os dentes com força. As pastas branqueadoras são geralmente as mais abrasivas. Fuja delas!

 
E a dica mais simples que eu posso te dar é usar canudo quando você tomar alguma bebida ácida. Nem sempre dá (imagina só tomar vinho de canudinho, que horror!), mas quando possível, vale a pena! Assim o líquido fica menos em contato com os dentes.

 

Dicas dentes

 

 

 

Pastas de dente podem ajudar a diminuir a erosão?

 

O flúor que existe nas pastas de dente oferece um certo grau de proteção, mas o efeito dele é temporário. Por isso estão sendo desenvolvidas fórmulas mais eficazes .

 
O cloreto de estrôncio, por exemplo, tem apresentado bons resultados em pesquisas. O Sensodyne Original é uma das pastas que apresenta cloreto de estrôncio na sua fórmula.

 
Uma linha de produtos específica para erosão foi lançada recentemente pela Unilever: a Regenerate NR-5. Nesse produto o silicato de cálcio e fosfato de sódio se combinam para formar uma estrutura de cristal que é idêntica à Hidroxiapatita, o principal mineral do esmalte dentário. Por isso é que se diz que ele tem a capacidade de regenerar o esmalte do dente.

 

Mas isso só é possível nos estágios iniciais e invisíveis da erosão. Ou seja, se você já tem um desgaste visível nos dentes, não adianta gastar a maior grana comprando Regenerate NR-5, porque não vai adiantar nada. Eu só o recomendo pra quem não tem nenhum desgaste mas tem alta susceptibilidade à erosão.

 

 

 

 

Regenerate NR-5 atua nos estágios iniciais da erosão dental

Regenerate NR-5 atua nos estágios iniciais da erosão dental

 

 

 

Como tratar a erosão?

 

No consultório o dentista pode tratar a erosão colocando no dente um material (geralmente resina) para repor a camada que foi perdida. Em geral é um procedimento simples e conservador, feito em uma única sessão. O dentista pode selecionar a cor de resina que mais se parece com o dente natural, e com isso a estética não fica prejudicada na hora que a pessoa sorri.
Em casos mais extremos pode ser que apenas restaurações de resina não sejam o suficiente. Se necessário, podem ser feitas restaurações de porcelana, como as facetas laminadas (que cobrem só a parte da frente) e as coroas (que revestem o dente por inteiro).

 

 

 

 

Pra terminar…

 

Esse post ficou enorme, mas eu achei realmente importante esclarecer todas (ou quase todas) as dúvidas sobre isso. A erosão dental é o mal do século – na área odontológica!!!
Além das dicas de como prevenir a erosão, o meu conselho é: faça visitas ao dentista regularmente para que se você tiver erosão, ela possa ser detectada e tratada precocemente. Isso evita a necessidade de tratamentos longos e complexos no futuro.

 

 

Você tem alguma pergunta ou comentário com relação às bebidas e alimentos ácidos, erosão dental ou sensibilidade? Escreva nos comentários e em breve eu responderei!
E se você achou que esse post te ajudou a entender mais sobre o assunto, compartilhe com seus amigos!

 

 

Beijos,

 

Lia

 

 

CONTEÚDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Seu E-mail:


, , , , , , , , , ,

Comentários

  1. wagner disse:

    comecei um regime e pedi 6 quilos em 1 mês com academia 4x por semana, mas tomo cerveja quase todo dia, tenho 48 anos e nunca tive sensibilidade dental, esta sensibilidade pode estar relacionada com regime e aumento do consumo de cerveja, ou pode ter sido somente coincidência?

    • Lia Alves Lia Alves disse:

      Olá Wagner! A sensibilidade pode estar relacionada ao aumento do consumo de cerveja e também ao regime. Algumas vezes, quando a pessoa faz regime, começa a comer frutas mais ácidas e tomar água com limão em jejum, por exemplo. Inicialmente isso muda o pH da boca, que fica mais ácido. Com isso, pode haver mais erosão dental e, consequentemente, sensibilidade.

  2. Karina disse:

    Olá, boa noite! Tenho dentes sensíveis mas não me incomodam no dia a dia. Quando vou pra uma festa e bebo a noite toda alguma bebida alcoólica, normalmente ácida, no dia seguinte não consigo comer nada e nem escovar os dentes direito de tão sensível. Seria a bebida a causadora dessa sensibilidade mesmo sendo durante uma noite?! Preciso ir ao dentista aplicar resina?!

    • Lia Alves Lia Alves disse:

      Boa tarde Karina! Provavelmente você já está com alguma alteração no esmalte dos dentes, e aí, com a bebida ácida a situação piora e desencadeia a dor. Sugiro que você procure um dentista pra fazer um check up sim!

Deixe um comentário

(não será divulgado)